HOME | FALE conosco | TRABALHE CONOSCO | CADASTRE-SE | Indique este SITE | Links | Portal
 
O INSTITUTO
PROGRAMAS
PARCERIA NOTA 10
Fotos do Vero
   
 Notícias sobre educação
 


Qualiescola em ação mobiliza formadores em Recife




Por: Clara Angeiras (jornalista DRT 3130/PE)


Aconteceu nos dias 12 a 16 de setembro, na capital pernambucana, mais uma formação para desenvolvimento do Programa Qualiescola. Os módulos de Língua Portuguesa, Ciências e Geografia, destinaram-se aos formadores da rede do Recife.


As oficinas e debates foram realizados nas salas de formação do IQE e no Centro Paulo Freire, da Secretaria de Educação da Prefeitura do Recife. Para a professora Jane Barbosa, doutoranda da USP e responsável pela área de Geografia no Instituto, um aspecto muito favorável ao programa “é o suporte institucional que a Secretaria tem dado nesta parceria, estando sempre pronta a apoiar os formadores em suas atividades”.


Esta ação beneficiou cerca de 24 formadores e seus suplentes, gerando subsídios para que essa equipe possa desenvolver, com todos os professores do 6º ao 9º ano do ensino fundamental, um processo formativo de 30 meses, incluindo acompanhamento aos docentes nas suas próprias escolas.


O desenvolvimento dessa atividade impacta em aperfeiçoamento pessoal, estímulo a criação de novas ferramentas, distribuição de cadernos, material didático e incide diretamente sobre a qualidade do trabalho desenvolvido em sala de aula, nas 34 escolas. A professora Teresinha Figueiredo, que participou da elaboração dos Parâmetros em Ação do Mec e hoje atua no IQE, ministrou a formação de Ciências, segundo ela, “a equipe de formadores está bastante motivada e compromissada com seu papel na escola pública e com sua atuação junto aos colegas da rede”, destacou.


Estão previstos para o segundo semestre de 2011 outros três módulos de formação em cada área. Em dezembro, será realizada a primeira avaliação diagnóstica dos alunos nas áreas de Língua Portuguesa, Matemática, Geografia História e Ciências. De acordo com Iran Freitas, coordenadora geral do IQE-PE, “as avaliações diagnósticas serão o ponto de partida dos trabalhos de formação e acompanhamento escolar, elas nos mostrarão a dimensão do desafio a ser vencido daqui pra frente” afirmou a educadora.